Histórias Gratidão, Gratidão, Gratidão

Devido a uma complicação durante o parto, Gabriel teve paralisia cerebral e foi acolhido pelo Programa Social de Apoio Familiar. 

“Se não fosse a Apabex eu teria cometido uma loucura.” A frase, que causa impacto e revela um sentimento de gratidão, é de Alessandra, mãe de Gabriel. Tudo caminhava normalmente até quando, na hora do parto, Alessandra viu seu primeiro filho sofrer uma complicação que ocasionou paralisia cerebral e muita revolta.

Foi nesse momento que a mãe encontrou na Apabex a força e o apoio para seguir em frente. “O apoio psicológico e emocional que eles me deram foi fundamental. No momento em que o Gabriel nasceu eu estava perdida, não sabia lidar com uma criança especial”, relembra Alessandra.

Assim que chegou à instituição, Alessandra foi acolhida e apresentada ao Programa Social Apoio Familiar. Após uma escuta qualificada, a família foi orientada para encaminhamento aos profissionais especializados e o Gabriel passou a fazer fisioterapia, fonoaudiologia e terapia ocupacional. “O carinho que eles tiveram com meu filho foi inacreditável. Do Seu Tião, na portaria, à diretora Martha Martelli, absolutamente todos”, completa.

Além de todo cuidado com o Gabriel, a família recebia anualmente a visita de assistentes sociais e psicólogas que, segundo a própria mãe, foram fundamentais para a gestão familiar, já que Alessandra dedicava a maior parte do seu tempo cuidando do Gabriel. “Eu tenho mais duas filhas e a mãe que hoje eu sou pra elas se deve a tudo que eu aprendi com a Apabex”.

Alessandra tem certeza dos laços que a ligam à Apabex, “São quase 20 anos, né? Sei que tenho grandes amigos lá. Todas as vezes que preciso desabafar e pedir um conselho eu ligo para a Apabex”, completa.

Atender a Alessandra e o Gabriel só foi possível graças ao apoio de muita gente, essencial para manter a estrutura oferecida pela instituição.

 

AJUDE A APABEX A MANTER ESSES PROGRAMAS

Informações (11) 5081-9000

E-mail: comunicacao@apabex.org.br